EnglishJapanesePortugueseSpanish

Projeto: Aplicação de selênio como agente protetor na cana-de-açúcar: respostas fisiológicas e bioquímicas.

Financiamento: Privado

Responsável: Marcio Souza da Silva

Descrição:

O selênio é um elemento benéfico para as plantas. O objetivo desse estudo é avaliar o efeito fisiológico do Se nos seguintes parâmetros na cultura da cana-de-açúcar:

1) Estudar as alterações no metabolismo de N pelo monitoramento da atividade da redutase do nitrato e formas orgânicas de N como aminoácidos, nitrato e amônia no tecido vegetal em função da aplicação de Se;

2) Avaliar o efeito do Se na atividade fotossintética pela mensuração de pigmentos fotossintetizantes, fotossíntese líquida, condutância estomática, transpiração, concentração interna de dióxido de carbono e fluorescência da clorofila a e distribuição de estômatos;

3) Estudar o efeito do Se no sistema antioxidativo relacionado com o atraso na senescência das folhas, o que possivelmente acarretaria no maior acúmulo de sacarose e estabelecer uma possível relação entre metabolismo do N e Se. Com a senescência retardada as plantas permaneceriam por mais tempo realizando fotossíntese, o que pode estar relacionado com maior eficiência na assimilação de N e maior produção de sacarose;

4) Avaliar potencial do Se como mitigador do estresse oxidativo em cana-de-açúcar e ao mesmo tempo aumentar a atividade da redutase do nitrato para maior metabolismo do N e atividades de invertases e sacarose sintase no metabolismo de açúcares, acumulando amido em diferentes partes da planta que será analisado por cortes histológicos para revelação do amido.