EnglishJapanesePortugueseSpanish

Importância da coinoculação na soja: efeitos na FBN e produtividade

Mas afinal, o que é coinoculação? A coinoculação consiste em inocular mais de um microrganismo em uma determinada planta

Figura 1. Principais efeitos da coinoculação de Azospirillum brasilense (Ab-V5 e Ab-V6) e Bradyrhizobium spp. na soja com base em 51 publicações com experimentos de campo realizados no Brasil. Adaptado…

Inoculação com bactérias promotoras de crescimento: Um caso crescente de sucesso e sustentabilidade na agricultura brasileira

Bactérias promotoras de crescimento de plantas (BPCPs) são microorganismos inoculados na forma líquida ou turfosa, em diferentes culturas.

Figura 1.  Quantidade de inoculantes comercializados (doses) no Brasil de 2009 até 2018. Fonte: Adaptado de Anpii (2021). Estima-se que a fixação biológica de nitrogênio (FBN) simbiótica apresente uma contribuição…

Fixação biológica do nitrogênio na soja: importância da quimiotaxia entre planta e Rhizobium

Na Fixação Biológica do Nitrogênio as bactérias reagem a um gradiente químico denominado de quimiotaxia entre planta e Rhizobium.

itro na Fixação Biológica do NitrogênioFigura 1. Experimento em casa de vegetação com mutantes de soja para a enzima urease sob fertilização de níquel para avaliação da FBN. Tupã, SP….

Os benefícios e desafios do uso de Trichoderma na agricultura

O Trichoderma transformou o panorama do controle biológico de doenças de plantas, sendo um biofungicida e bioestimulante de ação comprovada.

Figura 1. Crescimento micelial e principais enzimas produzidas pelo Trichoderma, quitinase, celulase e fosfatase. Foto: Cleverson Rodrigues. Experimentos desenvolvidos pelo GEFA (Grupo de Estudos em Fisiologia Agrícola) da Unesp. Nas…

Resposta hormonal de plantas a seca: novas perspectivas para a agricultura

A seca é um dos fatores que mais limita a produtividade das culturas, e influência diretamente na compreensão das respostas hormonais.

Figura 1. A seca no passado, presente e futuro do clima global, agricultura e segurança alimentar. (A) A maioria dos cenários preveem que a escassez de água aumentará nos próximos…

Respostas de plantas leguminosas ao déficit hídrico

O déficit hídrico pode causar prejudicar o crescimento, morfologia e a produtividade por meio dos danos oxidativos em leguminosas.

Figura 1. Sintoma visual do efeito do déficit hídrico moderado e severo na cultura do feijão-caupi (Vigna unguiculata) genótipo BRS Guariba. Foto: Andressa Melo. A seca é um dos estresses abióticos…